Insônia

De repente um estalo e os olhos já não grudam mais, é quando tudo que passou em frente a retina durante um longo dia resolve se misturar e coloca todos os neurônios em atividade, é quando componho canções que jamais vou cantar, textos, cartas e poesias que jamais irão ao papel, é quando rastejo pelo apartamento fazendo um barulhinho bom de havaianas no piso durante a alta madrugada, ligo e desligo um pouco de cada coisa, faço praticamente todas as posições da yoga e até do kamasutra buscando um jeitinho adequado para que minhas pálpebras comecem a pesar, mas elas simplesmente não pesam. É exatamente ali, durante o período em que os olhos se estalam naturalmente e sem explicação aparente que viajo para muitos lugares, que penso em tudo que fui, tudo que sou e tudo que eu gostaria de ser, tomo decisões que no dia seguinte não terão validade, confesso pecados escondidos, imagino bobagens e transgressões que em sã consciência jamais contaria a alguém.

Meu olhar mira o teto e nele vejo milhares de paisagens, além das ovelhas que tentam pular a cerca e já não me fazem nenhum efeito, vejo os lugares onde já estive e onde gostaria de estar em algum dia dessa vida, vejo as pessoas que gosto e também aquelas que nem gosto, mas que estão na retina e por isso aparecem ali de alguma forma, muita coisa se processa, muita informação fica borbulhando na mente e o sono não vem. Acordado sonho absurdos, começo regimes, faço planos de caminhadas e corridas, vou ficar mais bonito, mais forte, mais jovem, mais atraente, talvez atá mais rico, mas só depois que eu conseguir dormir. Às vezes é insuportável, mas não é tão frequente a ponto de preocupar, simplesmente acontece. Acontece quando muitos projetos, dúvidas e expectativas estão em andamento, acontece quando penso demais, quando viajo demais, quando quero que chegue logo a dia de amanhã, enfim, às vezes simplesmente acontece, umas com maior e outras com menor duração, mas em todas elas acabo cometendo o doce pecado de um triângulo amoroso, sou incapaz de resistir, e assim, rolando sozinho na cama sempre estamos, eu, minha insônia e o pensamento lá em você. 

Boas vibrações para todos!

Anúncios

2 comentários sobre “Insônia

  1. Passo por aqui diariamente em busca de inspiração para os meus dias… Definitivamente é essa a sensação que suas palavras refletem em mim “inspiração”.
    Novamente não consigo descrever a sensação ao chegar ao Blog e ler um texto como esse… Providencial na minha vida, como tantos outros já foram…
    Agradeço a Deus por poder desfrutar dessa magia que suas palavras unidas trazem a minha vida!
    Você é muito especial! Te Adoro Meu Querido Amigo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s