After Sex

Hummm…bate aquela preguiça gostosa, aquele tremor nas pernas, às vezes aquela garganta um pouco seca, aos poucos os batimentos cardíacos vão entrando no ritmo normal, a respiração vai deixando de ser ofegante e acelerada, o corpo se acomoda e tudo vai voltando a funcionar dentro da normalidade, inclusive o cérebro, que até alguns minutos atrás estava totalmente envolvido na loucura e no processo biológico, e agora ele volta a processar informações e pensamentos novamente.

Fica aquele silêncio no ar e quase sempre uma pergunta inevitável: tá pensando no quê? Nessa hora tem gente que tá pensando em como é bom encontrar esse encaixe perfeito com outra pessoa, em como foi delicioso cada pedacinho, pensa em algo do tipo “hummm..me surpreendeu…”, alguns pensam em perguntar “foi bom pra você?”, mas é muito clichê, tem gente que pensa que poderia ter durado um pouco mais, que deveria ter usado a camisinha ou experimentado sem ela. Tem gente que fica imaginando a pessoa ao lado se transformando numa pizza, pois bateu uma baita fome e nem foi tudo isso, tem gente que pensa logo em casamento, que se arrepende e se pergunta o que é que estou fazendo aqui, outras chegam à conclusão de que poderia ter sido melhor, tem gente que dá um suspiro profundo e pensa que está apaixonada de verdade, outras começam a pensar nas contas do dia seguinte, se preocupam se algum vizinho ouviu, pensam que na próxima vez vão ousar mais, pensam no que o outro pode estar pensando. Tem pessoas que nem voltam ao ritmo normal e já correm para um banho, outras preferem vestir calcinha e cueca ainda com o gostinho do outro. Pessoas que ficam preocupadas com as manchas no lençol, as mordidas, os arranhões, os fios de cabelo, os vestígios, as provas. Tem pessoas que já estão pensando e querendo muito a próxima e a próxima, pensando em dar um jeito de sair correndo, pensando que foi tudo um saco, pensando que já cumpriu sua parte dentro do relacionamento e que tá na hora de voltar pra vida real. Enfim, são milhares de pensamentos que ninguém fala e nem sempre compartilha, as pessoas pensam em uma infinidade de coisas, inclusive que neste momento poderiam estar ao lado de outra pessoa. 

E vc, tá pensando o quê?

Twitter: @Sall2010

Anúncios

Bagunça

Às vezes fica tudo tão bagunçado na nossa cabeça e na nossa vida que nem sabemos por onde começar a arrumação, não é mesmo? Mas chega um momento em que não dá mais, a gente se incomoda e conclui que é preciso pôr as coisas em ordem. Portanto, se está bagunçado, respire, pense, repense e mãos à obra. Bagunçado pra sempre é que não pode ficar.

O melhor de você

A vaidade, a beleza, a saúde, enfim, o bem estar, tudo isso é item obrigatório para se ter uma vida legal consigo mesmo. A gente tem que se cuidar, sempre! E se tem uma coisa que eu gosto de ver e sentir é quando uma pessoa apaixonada se prepara para encontrar o seu amor. Hummm…que gostoso…Um banho demorado, horas em frente ao espelho, a roupa mais bacana, o melhor perfume, o melhor sapato, se for necessário, talvez um retoque naqueles fios de cabelo branco, um hálito bem gostoso e preparado para beijar, um sorriso no rosto, um coração disparado, um brilho no olhar e um corpo disposto. Que coisa boa!

É assim mesmo, a gente vive buscando a evolução em todos os campos, queremos ter um carro mais bacana, um curso superior, depois uma pós-graduação talvez, um outro idioma, uma graninha na poupança para o futuro, uma academia para cuidar do corpo, um corte de cabelo, um salão de beleza, às vezes uma cirurgia estética, viagens de lazer e de conhecimento, bons livros e filmes para abastecer nosso intelecto. A gente vive buscando atingir o melhor de nós mesmos para ficarmos satisfeitos com nossas conquistas e esforços, mas também para poder oferecer isso à alguém um dia, porque senão realmente não vale à pena.

Todos nós somos cheios de defeitos e falhas, somos humanos, mas acho que devemos ter uma preocupação legítima com esse tema, ou seja, quero oferecer sempre o melhor de mim para o meu amor. Seria muito legal se a reciprocidade fosse uma regra, mas não é, e às vezes a gente sai no prejuízo em termos de doação, mas não importa, não se trata de uma troca de favores, é um investimento que fazemos em algo que acreditamos. Não tenho dúvidas de que a vida fica mais leve e fácil de se viver quando você reserva e oferece para o seu amor o melhor de você. Experimenta!

Boas vibrações para todos!

Twitter: @Sall2010

8 de março

Eu já disse isso por aqui. Sem vocês mulheres o mundo não tem e não teria graça, nem existiria, e muito menos existiria o meu Blog do Sall, afinal, 98% dos comentários são feitos por elas. Muitas indicam o blog, copiam textos e repassam para outras amigas e assim uma corrente se forma. E quando penso que ninguém anda lendo o que escrevo, encontro uma mulher desconhecida numa balada ou numa livraria, ela se aproxima e me diz que adora o blog, que sempre lê, etc, que é um prazer me conhecer, e ainda por cima me sorri com um carinho  e um brilho no olhar que só mesmo uma mulher sabe oferecer.

É por essas e outras que  quero deixar registrado o meu agradecimento às queridas leitoras que estão sempre por aqui. Sintam-se ternamente abraçadas. Nesse Dia Internacional das Mulheres eu só desejo que cada uma de vocês possa encontrar o seu próprio jeitinho de ser e ficar feliz, encontrar companheiros(as) que possam ser merecedores da sua companhia, que saibam lhe tratar com simplicidade, que encham sua banheira e sua vida de flores, que possam lavar seus cabelos ou fazer uma massagem nos pés de vez em quando, porque no fundo, no fundo, a gente só quer isso mesmo, ser feliz e fazer alguém feliz, sem muita delonga, sem muitas grifes ou receitas de sucesso.

Sei que muitas dispensam as flores e os elogios, outras apenas brigam por igualdade, e algumas acham uma bobagem o dia da mulher, mas seja como for, quero deixar registrado o meu desejo de boa sorte. Na vida e no amor, sempre!

Meu beijo e minhas flores para todas vocês!

Ps.:desculpem o atraso, o post deveria ter entrado no ar no dia correto, mas me enrolei…rs.

Templo sagrado

 

A notícia de que um jovem ator da Rede Globo morreu aos 25 anos de câncer me entristeceu, mas não causou surpresa, afinal, morre-se de tudo que é tipo de causa a todo momento, basta estar vivo. É claro que morrer jovem é uma pena, a gente fica imaginando as mil possibilidades de uma vida que é ceifada ainda no meio de sua história e pensa que às vezes o mundo é muito injusto, mas seja como for, é a vida.

O que me chateou e me levou a escrever é que um assessor do ator declarou que o próprio dizia sentir dores com frequência e “não ia atrás para ver o que era”. Acho que esse é o mal de todo jovem, e às vezes até dos mais maduros, porém com a cabeça dura, acreditar que doenças graves e questões de saúde são coisas de gente simplesmente doente, e não de alguém que aparenta estar cheio de vida, tem pouca idade e bons hábitos alimentares.

A grande verdade é que nosso corpo é uma caixinha de surpresas, não importa a idade. É claro que não podemos perceber todos os males e doenças logo de cara,  mas neste momento pode haver uma pequena pedra nascendo no rim, uma espinha pronta para sair amanhã e a gente nem se dá conta, a menos que estejamos assistindo o Dr.House para entender como funciona. Mas a natureza é sábia, Deus não permitiria que nosso corpo fosse simplesmente ficando estragado e um dia não servisse mais para nada, na verdade, sempre recebemos algum tipo de aviso, e nessas horas o melhor é não vacilar. Se soou o alarme, por menor que seja, procure um médico, faça lá algum exame e cuide da manutenção.

Não se trata de ficar psicótico e hipocondríaco, mas seu corpo é sua casa, sua morada, seu templo. Cuidar da saúde e entender os sinais que nosso corpo emite são a chave para uma vida saudável. É claro que nem toda vida será longa, mas saudável ela tem que ser, e se eu puder contribuir com a natureza apenas prestando atenção nesses detalhes, com certeza farei minha parte. Cuidem-se!

Boas vibrações e saúde para todos!