Espelho, espelho meu…

Receitas de felicidade podemos encontrar aos montes por aí, elas estão nos livros de auto-ajuda, no seu horóscopo de hoje e em vários outros lugares, mas se tem uma coisa que provoca felicidade instantânea, essa coisa se chama auto-estima.

Recentemente encontrei uma amiga que há muito tempo eu não via, moça bonita, boa família, carro zero financiado, nível universitário, solteira mas sem encanação, realmente uma gatinha, mas toda vez que a moça se olhava no espelho sentia falta de alguma coisa. Resultado, alguns “ml´s” de silicone nos seios e nasceu uma nova mulher. Arrasando nas baladas, sempre linda nas fotos, mais segura em suas atitudes e em seus decotes, que maravilha!

Não quero colocar em discussão a questão saúde, ou os prós e contras de cirurgias estéticas e plásticas, já falei sobre isso num post antigo. O que acho interessante registrar é que não tem receita melhor para a felicidade do que sentir-se bem com você mesmo. Olhar no espelho e ficar feliz com um corpo mais magro ou mais sarado, um simples corte de cabelo, feliz com seu trabalho, com seu diploma, feliz em poder ajudar alguém, em poder doar algo, sentir-se bem por poder dormir com a consciência tranquila de uma forma geral.

É claro que existem vários outros itens que completam a felicidade, e o segredo não está apenas nas clínicas de beleza, e sim, dentro de você mesmo, como dizem os gurus da auto-ajuda. Exalo felicidade toda vez que questiono meu espelho sobre o mais bonito, o mais cheiroso, o mais gente fina, o mais sarado, o mais tudo de bom, etc, e ele responde: “sim, meu querido, você é o mais belo, o mais cheiroso, o mais…”

Auto-estima é tudo de bom, mas busque ser uma pessoa de valor, antes de pensar em ser uma pessoa de sucesso, depois pergunte ao seu espelho e boa sorte!

Anúncios

6 comentários sobre “Espelho, espelho meu…

  1. Fico me perguntando qdo a velhice chega o que será a auro-estima para as pessoas que precisam sempre “estarem lindas” prá poder sentirem-se felizes …

    Então penso que a verdadeira felicidade que vem com uma auto-estima elevada deve vir de outro lugar, e não da satisfação com o corpo.

    Mas como é dificil ao mesmo tempo não ?? Se vivemos numa sociedade que hiper valoriza a beleza, as posses e negligencia outros valores que o dinheiro não pode comprar e que trazem paz de espírito … uma coisinha que não está a disposição nem em clínicas nem em lojas …

    Às vezes me entristece demais ver no que estamos nos tornando…

    Excelente post Sall …. arrasou como sempre!

    🙂
    bjs

  2. Eu seria uma mulher muito mais feliz se meu cabelo fosse liso e longo naturalmente… mas a natureza não quis, então eu apelo pros cabelos curtos (que eu adoro) ou pro alisante quando deixo crescer… hehehehe!!
    Auto-estima é estar bem consigo mesma e não deixar ninguém fazer você pensar o contrário, mas é um trabalho árduo…
    Ótimo post, saudade docê!!
    Beijos!!

  3. Sou totalmente a favor de cirurgias plásticas para as pessoas se sentirem melhor… Mas tudo deve ter um limite…

  4. oi Sall,
    vc já viu o texto do Gitti no PdH?
    Acho que vc iria gostar e seu comentário seria muito bom por lá.

    E aí, kd vc? Eu sempre carente dos seus textos, rssss

    🙂

  5. Olá meu amigo, se antes eu já te admirava, após ler seu texto fiquei ainda mas fã.
    Vc é dono de uma sensibilidade ímpar, capaz de capitar detalhes que nem mesmo nos poderíamos perceber.

    Talvez se eu tivesse lido seu texto à 8 anos trás minha história fosse outra.

    Te admiro como nunca.

    Beijos sua sempre amiga
    Simoninha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s